5G puro ainda não tem previsão para ser ativado em Porto Velho, diz Anatel


Conselheiro da Anatel acredita que capital de Rondônia receba sinal até fim de agosto. São Paulo, Rio de Janeiro , Curitiba, Salvador e Goiânia devem ser as próximas capitais a terem 5G.

Porto Velho, RO - A quinta geração de internet móvel — o 5G — ainda não tem previsão para ser ativado em Porto Velho.

São Paulo, Rio de Janeiro , Curitiba, Salvador e Goiânia devem ser as próximas capitais do país com a ativação do sinal de internet 5G puro.

Em entrevista à Rede Amazônica, o conselheiro Moisés Moreira, da Anatel, diz que a Entidade Administradora da Faixa (EAF) está trabalhando para ativação da tecnologia, mas não existe uma data certa para a capital de Rondônia.

"Eu acredito que o prazo para findar isso é até o final de agosto, tá?. A EAF tá fazendo esforços para que ela conclua todas as capitais do país até o fim de agosto", diz.

Em resumo, a Anatel diz que ainda não há previsão de início do trabalho da chamada "limpeza" da faixa de 3,5 GHz, por onde será oferecido o sinal do 5G standalone (puro).

Atualmente, parte da faixa de 3,5 gigahertz (GHz) é ocupada também para transmissão do sinal da TV parabólica. Para não haver interferência, o sinal será transferido para outra banda (limpeza), o que demanda a instalação de filtros de proteção e a distribuição de kits de recepção do novo sinal das TVs parabólicas à população que tem direito.

O 5G oferecido hoje por algumas operadoras utiliza frequências de 4G e antenas 5G, ou seja, não é o 5G puro. Por isso, não é tão rápido quanto será a nova tecnologia.

Como faço para pegar o 5G?

Para ter acesso à internet 5G, a pessoa precisa ter um celular que venha com a tecnologia. Os aparelhos mais novos já vêm habilitados.

A princípio, de acordo com as operadoras de telefonia, não vai ser preciso que os clientes façam uma atualização do seu pacote de dados para acessar o 5G. Bastará que o celular tenha a função. Mas os detalhes comerciais ainda serão divulgados oficialmente.

Atualmente, há 67 modelos de celular com a tecnologia 5G certificados e homologados pela Anatel.

Inicialmente, todas as capitais deveriam ter o 5G funcionando até 31 de julho, mas, devido a dificuldades logísticas para importação de equipamentos, o prazo foi estendido para 29 de setembro.


Infográfico mostra aplicações do 5G. — Foto: Wagner Magalhães/Arte G1

Brasília foi a primeira cidade do país a contar com o chamado "5G puro". Nesta sexta-feira (29), o sinal vai ser ativado em Belo Horizonte, João Pessoa e Porto Alegre.

Fonte: G1/RO

Postar um comentário

0 Comentários