Quadrilha que saqueou joalheria em MT é presa em Rondônia


Grupo criminoso foi abordado pela PRF em Presidente Médici

Porto Velho, RO -
Um grupo formado por três mulheres e um homem foi desarticulado ontem (segunda-feira, 28), durante ação integrada das forças de segurança pública dos Estados de Mato Grosso e Rondônia.

O trabalho em conjunto foi deflagrado após investigação da Polícia Civil de MT com apoio da Polícia Militar, para apurar o furto de uma relojoaria ocorrido no município de Campos de Júlio (a 553 km a noroeste de Cuiabá).

Depois de subtraírem joias, relógios, óculos, semijoias, pulseiras, bolsas e perfumes, os suspeitos foram abordados pela Polícia Rodoviária Federal a cerca de 480 quilômetros de distância, já na cidade de Presidente Médici, na região central de Rondônia.

A vítima procurou a Delegacia de Campos de Júlio para comunicar o ocorrido na madrugada de segunda-feira, 28, quando criminosos chegaram na loja em um automóvel de cor preta, estacionaram na frente e furtaram joias, relógios, óculos, semijoias, pulseiras, bolsas e perfumes, causando grande prejuízo financeiro ao estabelecimento comercial.

Imediatamente os investigadores de polícia em conjunto com os policiais militares passaram a apurar a ocorrência visando localizar os suspeitos. Após ininterruptas investigações foi descoberto o veículo usado no crime, e identificado que o carro havia seguido sentido cidade de Vilhena.

Diante dos indícios e informações, foi solicitado apoio à Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal de Rondônia, sendo que uma equipe da PRF conseguiu abordar o veículo e efetuar a prisão das três mulheres e um homem na cidade de Presidente Médici. Eles serão autuados em flagrante por furto qualificado e associação criminosa.

Fonte: Diário da Amazônia


Postar um comentário

0 Comentários