Justiça condena homem que matou menor atropelada dentro da varanda de casa



Porto Velho, RO -
Os desembargadores da 2ª. Câmara Criminal do TJ-RO, mantiveram a sentença condenatória, do homem que matou atropelada uma jovem dentro da varanda de casa, na cidade de Candeias do Jamari. Ele foi condenado pelo homicídio na direção a 4 anos de prisão e teve suspensa em seis meses a permissão para dirigir.

O acidente aconteceu no dia 20 de abril de 2020, na rua Transcontinental, no município de Candeias do Jamari. L.I.F dirigia um veículo Saveiro, perdeu o controle do veículo, e acabou atropelando a vítima Fernanda da Silva Braga, de 17 anos. Ela estava de costa para a rua e não teve reflexo para se desviar do veículo.

No local, havia outras pessoas que conseguiram sair da trajetória do carro sem controle. O acidente aconteceu após o veículo do acusado ter desviado de uma bicicleta e vinha em alta velocidade. Fernanda morreu imprensada em uma das colunas da casa e morreu em consequências de inúmeras lesões sofridas.

O laudo médico da morte da jovem apontou “lesões na cavidade abdominal, lacerações hepáticas e rupturas do baço, causando politraumatismo em face do contundente impacto do acidente, que provocou grandes sangramentos internos, que foram a causa de sua morte por choque hipovolêmico”.
O laudo pericial apontou L.I.F como o causador da morte.

Postar um comentário

0 Comentários