Publicidade

Janones: “recebi o presidente dos cornos, não o corno presidente”

Políticos desdenham revelação contra presidente

Porto Velho, Rondônia - A revelação de que o presidente Jair Bolsonaro era traído por sua ex-esposa, Ana Cristina Valle, revelada por um ex-funcionário da família que resolveu denunciar práticas criminosas supostamente praticados pelos membros do clã presidencial, provocou uma onda de comentários sobre o triste caso de infidelidade de que teria sido vítima o atual ocupante do Palácio do Planalto.

O deputado federal André Janones (Avante- MG) publicou em suas redes sociais um encontro que teve na quinta-feira (2) com o folclórico Zé Maria, presidente do Clube dos Cornos do Ceará. No entanto, o parlamentar mineiro fez questão de salientar que a audiência foi com “o presidente dos cornos, não com o corno presidente”, numa clara provocação a Jair Bolsonaro.

“E acreditem vcs ou não, por mera coincidência recebi ontem em meu gabinete, direto de Fortaleza, o presidente da associação dos cornos do Brasil, repito, o presidente da associação dos cornos, não o corno do presidente. O Zé Maria faz um trabalho sério no combate ao feminicídio”, postou Janones no Twitter.

Caso de adultério - Segundo Marcelo Luiz Nogueira dos Santos, ex-empregado da família Bolsonaro, que tem feito revelações bombásticas ao colunista Guilherme Amado, do site Metrópoles, sobre supostos crimes cometidos pelos membros do clã presidencial, o atual ocupante do Palácio do Planalto teria tirado a ex-esposa Ana Cristina do controle do esquema de rachadinhas dos gabinetes de Flávio e Carlos Bolsonaro após descobrir que a mulher o traía com um bombeiro militar que era da escolta da família.

Fonte - Fórum


Postar um comentário

0 Comentários