Unidade de Saúde Maurício Bustani implanta serviço de agendamento on-line e via telefone


Idealizado por duas colaboradoras da unidade, o serviço já atende cerca de 900 pessoas por mês

Porto Velho, RO - Para oferecer maior agilidade durante as consultas médicas, a diretoria da Unidade Básica de Saúde Maurício Bustani implantou um Procedimento Operacional Padrão (POP) dentro do Serviço de Arquivo Médico e Estatística (Same) para receber pedidos de agendamento, confirmação de consultas, registros de entrada para procedimentos, regulação e exames laboratoriais.

Implantado a pouco menos de um ano, o serviço foi idealizado por duas colaboradoras da unidade e já atende cerca de 900 pacientes por mês.

Na tese, a nova modalidade de atendimento tem como propósito central padronizar os processos de atendimento, proporcionando um serviço mais humanizado, diminuindo o tempo de espera e evitando aglomeração de pessoas nas dependências da unidade de saúde.

Para realizar agendamentos laboratoriais, os interessados poderão fazer o pedido através do site, das 8h às 12h. Já para os demais serviços de agendamento como a confirmação de consultas, registros de entrada para procedimentos e regulação, poderão ser feitos através do telefone (69) 98473-6062, das 14h às 17h, de segunda a sexta-feira.


Unidade de saúde fica localizada no bairro Liberdade, região central

“Esse serviço surgiu da necessidade de acabar com as filas que se formavam durante a madrugada só para pegar uma ficha de atendimento pela manhã. Agora, nossos pacientes não precisam mais passar por isso. A pessoa que tiver dificuldade para mexer no site, pode pedir ajuda a um familiar”, disse a diretora da unidade, Socorro Espinosa.

Os atendimentos são divididos por equipes, que oferecem atendimentos como vacinação, pré-natal, exame preventivo, consultas com o clínico geral, com o dentista e farmácia. Além das equipes que trabalham diretamente no atendimento dentro da unidade, outra equipe do Consultório de Rua atende pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Para receber o atendimento, alguns critérios devem ser seguidos como apresentar um documento de identificação com foto e cartão do SUS; identificar o acompanhante do menor, idoso ou até mesmo aquele que apenas prestou socorro imediato, caso haja algum; todo o atendimento, seja uma simples verificação de pressão, um curativo, entre outros, deve ter a inclusão no Sistema e-SUS, portanto, os documentos do paciente é essencial para dar prosseguimento ao serviço.


Fonte: Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Postar um comentário

0 Comentários