Policial penal é preso suspeito de atirar dentro de boate em Porto Velho


Suspeito deixou ainda uma conta de aproximadamente R$ 70 pendente no estabelecimento

Porto Velho, RO - Um policial penal do Pará foi preso em Porto Velho (RO) suspeito de atirar dentro de uma boate no último sábado (30). Testemunhas relataram à polícia que o homem estava embriagado e exibindo a arma para outras pessoas.

Segundo a Polícia Militar (PM), depois que o homem entrou no banheiro, pessoas dentro da boate ouviram um disparo. Um dos seguranças disse que encontrou o suspeito apontando a arma para o espelho e viu uma marca de tiro na parede, além de uma cápsula calibre 40 no local.

Outra testemunha disse que o suspeito entregou um cartão para pagar a conta dos produtos que ele consumiu, mas a transação não foi aprovada e ele ficou devendo aproximadamente R$ 70 reais no estabelecimento.

Os policiais foram acionados e encontraram o suspeito ainda dentro do banheiro. A pistola que estava em sua cintura foi apreendida. Ela estava carregada e engatilhada.

Ainda conforme o boletim de ocorrência, no momento da prisão, o suspeito ficou exaltado e resistiu com violência, precisando ser algemado. Ele foi apresentado na Central de Flagrantes e interrogado.

De acordo com a lei sobre sobre registro, posse e comercialização de armas de fogo e munição, disparar arma de fogo ou acionar munição em lugar habitado é considerado crime, com pena de 2 a 4 anos de reclusão mais multa.

Fonte: Diário da Amazônia


Postar um comentário

0 Comentários