Menina de 11 anos perde uma perna em acidente com carro alegórico na saída do Sambódromo


Desfiles chegaram a ser suspensos após a criança ficar presa entre o carro alegórico da Em Cima da Hora e o poste. Uma perícia foi feita no local

Porto Velho, RO - A menina de 11 anos que sofreu um acidente na dispersão do Sambódromo precisou amputar uma das pernas durante a cirurgia, informou a Secretaria municipal de Saúde (SMS). Raquel Antunes da Silva teria quebrado as duas pernas ao tentar subir em um carro alegórico da Em Cima da Hora, no fim da noite, e ficou imprensada entre a alegoria e o poste. A menina segue em estado de saúde grave após a operação, informou a secretaria na manhã desta quinta-feira.

Raquel Antunes da Silva, de 11 anos, sofreu acidente na saído do Sambódromo Foto: Reprodução

Os desfiles da Série Ouro, antigo Grupo de Acesso, chegaram a ser interrompidos em função do acidente, que aconteceu por volta das 23h. Segundo o portal G1, a outra perna da menina está em estado crítico, teve traumatismo no tórax e, durante a cirurgia, Raquel teve uma parada cardíaca.

Parentes e amigos da criança estiveram no Hospital municipal Souza Aguiar ao longo da madrugada e no início da manhã. A mãe de Raquel passou mal ao ser informada sobre o estado de saúde da filha.

— Tinham muitas crianças aqui em cima do carro alegórico, quando houve o acidente — disse uma testemunha.

Aliás, mesmo depois do acidente, muitas crianças continuaram no local, o que atrapalhou a retirada do carro alegórico. Representantes da Liesa chegaram a pedir para que as crianças deixassem o local para evitar um novo acidente.

— Ela foi pra outra praça do outro lado, quando a mãe olhou ela não tava. Logo após, foi coisa de 5 minutos, já veio o irmão avisando que ela foi atropelada. O carro alegórico espremeu ela no poste. Ela estava bem encostada pra ver os carros passar — contou, ao G1, Aline da Mota, amiga da família.

Fonte: O Globo


Postar um comentário

0 Comentários