Em Rondônia, PRF registra quase 40 ocorrências


Registro dessas ocorrências deram-se de 21 a 24 de abril

Porto Velho, RO - A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Rondônia, entre os dias 21 e 24 de abril, realizou no Estado a Operação Tiradentes 2022. Durante esse lapso temporal, no que tange as ocorrências de Combate ao Crime, temos os seguintes dados:

MADEIRA ILEGAL

Realizamos 6 (seis) apreensões de Produto Florestal sendo transportados de maneira irregular. No total, 111,81 metros cúbicos de Madeira Serrada foram retidos para inspeção dos órgãos ambientais e do Poder Judiciário.

Desse número, metade das ocorrências deram-se em Ji-Paraná, que é o segundo município mais populoso do estado. Em uma região que experimenta – mesmo no cenário pós pandemia – um crescimento econômico, o enfrentamento a essa prática criminosa faz parte dos compromissos setoriais no combate ao desmatamento na região amazônica.

MANDADO DE PRISÃO

Nossos Policiais conseguiram executar 9 (nove) mandados de prisão durante esses dias, sendo:

quinta-feira (21): QUATRO MPs: 3 em Ji-Paraná e 1 em Porto Velho;

sexta-feira (22): TRÊS MPs :1 em Guajará-Mirim, 1 em Porto Velho e 1 em Jaru;

sábado (23): DOIS MPs: 1 em Ariquemes e 1 em Jaru.

Dentre os crimes que constavam nos Mandados, tínhamos desde condenações pela prática de Estupro de vulnerável, Homicídio, Compor Organização Criminosa até questões do Direito Civil, como o não pagamento de Pensão Alimentícia.

EMBRIAGUEZ AO VOLANTE

Registramos 9 (nove) condutores infligindo a lei em relação a conduta criminosa de dirigir embriagado. Mais da metade dos registros ocorreram na Capital – Porto Velho/RO – sendo tanto na BR364 quanto na BR319 (todos próximos ao perímetro urbano).


A conduta de dirigir alcoolizado gera multa de R$ 2.934,70 (valor esse que pode ser dobrado no caso de reincidência no período de 1 ano), além da suspensão do direito de dirigir por 12 meses. A Sociedade Organizada já conhece esses valores. Contudo, o que muitas vezes fica em segundo plano sãos as consequências – e talvez as piores – desse tipo de conduta (beber e dirigir) que pode ser tão piores no caso de acidentes quanto nas questões psicológicas para os envolvidos.

Vale lembrar que os registros acima também culminaram na prisão em flagrante dos criminosos.

ADULTERAÇÃO VEICULAR E RECEPTAÇÃO

Recuperamos 6 (seis) veículos com sinais de adulteração de sinal identificador. Dentre os automóveis estão motocicletas e até um caminhão. Grande parte das apreensões ocorreram no município de Guajará-Mirim (cidade que faz fronteira com a Bolívia).

TRÁFICO DE DROGAS

Em Guajará-Mirim, apreendemos 3,06 kg de Maconha, transportados por um homem durante fiscalização em ônibus realizada na BR-425.

OUTRAS OCORRÊNCIAS

Registramos também outras ocorrências como Usurpação de bem ou matéria-prima da União em Ariquemes. No caso, apreendemos 11.548 kg de cassiterita sendo transportados em desconformidade com a lei.

Também registramos ocorrência de Descaminho, Disparo de arma de fogo, furtos e outros crimes de trânsito.

Fonte: Assessoria PRF/RO


Postar um comentário

0 Comentários