Programa Centelha tem inscrições prorrogadas para até dia 18 de abril


Empreendedores de talento e capacidade inovadora têm até o dia 18 de abril para se inscrever no Programa Centelha

Porto Velho, RO - Atendendo demandas dos segmentos interessados, o Governo de Rondônia prorrogou as inscrições do Programa Centelha que podem ser feitas até o dia 18 de abril, com objetivo de que os empreendedores de talento e capacidade inovadora tenham tempo suficiente para planejar seus projetos e efetuar as inscrições junto à Coordenação do Programa da Fundação de Amparo ao Desenvolvimento das Ações Científicas e Tecnológicas (Fapero).

De acordo com Cleópatra Caldeira, coordenadora do programa no Estado, até o momento já são 165 empreendedores cadastrados, 72 ideias inovadoras iniciadas e mais 32 ideias submetidas à análise; números que devem ser bastante ampliados com a prorrogação, conforme expectativa da coordenadora, que vê em todas elas grande potencial de se transformarem em negócios definitivos, de sucesso, capazes de desenvolver produtos, processos ou serviços inovadores, que contribuam para o desenvolvimento da economia rondoniense e do Brasil.

De acordo a Fapero praticamente todo Estado de Rondônia está envolvido e manifesta interesse em participar do Centelha, conforme se constata no quadro das Ideias Submetidas:

PROGRAMA CENTELHA

Iniciativa do Governo Federal por meio do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCTI) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), o Programa Centelha visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no Brasil, dando oportunidade e oferecendo capacitações, recursos financeiros e outros tipos de suporte, a fim de impulsionar a transformação de ideias em negócios de sucesso.

Para sua consecução, o MCTI conta com a parceria do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (Certi).

Neste universo guiado pela ciência para os negócios, o Centelha propõe a criação de novas empresas de base tecnológica; com a geração de inovações que sejam de interesses sociais e empresariais, e a formação da cultura do empreendedorismo, a fim de fortalecer os ecossistemas de inovação do País e também de Rondônia.

Dessa forma, interessa à Fapero e ao Poder Executivo que o maior número de empreendedores tome parte do programa e se inscrevam pela plataforma http://programacentelha.com.br/.

Importa destacar que, graças ao Programa Centelha, empreendedores com empresas que totalizem rendimento anual de R$ 4,8 milhões são estimuladas a crescer com esses incentivos. Além disso, o programa abre espaço para participação de todos os cidadãos rondonienses, pessoas físicas, que não têm empresas formalizadas ou de Microempreendedor Individual (MEI), para inscrever suas ideias, obedecendo o novo prazo.

De acordo a Fapero praticamente todo Estado de Rondônia está envolvido e manifesta interesse em participar do Centelha, conforme se constata no quadro das Ideias Submetidas:


Interesse pelo Programa Centelha é grande por todas as regiões do Estado

A Fundação informa também que existe uma reserva para apoio financeiro de até R$ 53 mil, além da concessão de bolsa no valor de R$ 26 mil para cada projeto.

Este incentivo é algo inédito desde o início das atividades da Fapero, havia dez anos, e que em virtude desses benefícios espera maior adesão dos interessados até o próximo dia 18 de abril, prazo prorrogado das inscrições, anuncia o presidente da Fundação, Paulo Haddad.

“Ainda não submeteu sua ideia inovadora para o Programa Centelha Rondônia? Corra que dá tempo!”, recomenda a Fapero.

Paulo Hadda destacou ainda que são muitas as áreas procuradas, conforme descrição do quadro, e que os projetos contemplados terão a oportunidade de receber o primeiro impulso para gerar um negócio de sucesso, destacando que serão até R$ 53.636,00 (cinquenta e três mil, seiscentos e trinta e seis reais) em subvenção econômica; bolsas de apoio técnico para o empreendedor e sua equipe; capacitações, e networking com parceiros e suporte para alavancar o negócio. A Fapero informa que o número de interessados e ideias estão avançando e vão sendo ordenados conforme quadro da Temática das Ideias Submetidas.


Texto: Cleuber Rodrigues Pereira (Com apoio de Montezuma Cruz)
Fotos: Secom
Secom - Governo de Rondônia


Postar um comentário

0 Comentários