Clientes de prostíbulos eram dopados, roubados e jogados na calçada em Porto Velho; veja o vídeo

 

As imagens mostram a vítima Marilda percebendo o cliente desacordado sendo jogado na frente do prostíbulo dela

Rondoniaovivo
- A delegada Leisaloma Carvalho, responsável pelas investigações que resultaram na manhã desta terça-feira (15) na prisão de um casal por crime de homicídio contra Marilda Escobar e tentativa de assassinato a Railson F., 22, e de um comerciante por porte ilegal de arma de fogo e receptação de objetos roubados, além de favorecimento a prostituição informou que foram apreendidos também durante Operação Luz Vermelha medicamentos utilizados para dopar clientes.

A ação da Polícia Civil, através da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) também apreendeu vários medicamentos do tipo clonazepam que os comerciantes usavam como "Boa Noite Cinderela" na bebida para fazer com que alguns clientes dormissem e fossem roubados.

Vídeos de câmeras de monitoramento flagraram um dos clientes que havia sido adormecido e roubado sendo arrastado de um comércio para a frente do outro.

As imagens mostram a vítima Marilda percebendo o cliente desacordado jogado na frente do prostíbulo dela.

A mulher junto com o marido e outros funcionários então arrastam e levam o homem novamente para o bar da vizinha, Luzanira.

Clonazepam

O clonazepam pertence a uma classe farmacológica conhecida como benzodiazepinas, que possuem como principais propriedades inibição leve das funções do sistema nervoso central, permitindo assim uma ação anticonvulsivante, alguma sedação, relaxamento muscular e efeito tranquilizante.

Fonte: Rondoniaovivo

Postar um comentário

0 Comentários