Publicidade

Unidades de Saúde de Porto Velho atendem com multivacinação

O atendimento está sendo feito em todas as UBS


Porto Velho, Rondônia - A Prefeitura de Porto Velho segue com a Campanha de Multivacinação, que oferece imunizantes que fazem parte do Calendário Nacional de Vacinação. O atendimento é feito em todas as Unidades Básicas de Saúde do município, inclusive nos distritos.

Segundo Elizeth Gomes, gerente de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), nesta campanha são priorizados com vacinas os adolescentes menores de 14 anos. Entretanto, os adultos que estão com as vacinas regulares incompletas também podem aproveitar a oportunidade. “Os pais podem levar seus filhos e aproveitar, se houver alguma pendência, para receber vacina”, explica.

PROTOCOLOS - O atendimento é feito conforme os protocolos de segurança relacionados à pandemia da covid-19. “Controlamos o distanciamento entre os pacientes durante todo o atendimento em função da pandemia da covid-19”, garante Maria Aparecida Pires, gerente da Unidade de Saúde Agenor de Carvalho, localizada na rua Victor Ferreira Manahiba, 1209.

HORÁRIOS - Na Unidade de Saúde José Adelino da Silva, localizada na rua Orion, 56, bairro Ulisses Guimarães, o atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 12h45. “É importante que todos tragam os documentos como o cartão do SUS, documento de identificação e caderneta de vacinação. As crianças devem estar acompanhadas do responsável”, avisa a gerente da unidade, Lucimar de Barros de Sousa Basso.

O atendimento feito somente na parte da manhã acontece nas seguintes unidades:

USF JOSÉ ADELINO: Atendimento pela manhã, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 12h45.

USF HAMILTON RAULINO GONDIM: Atendimento durante a manhã, das 7h às 11h30.

USF PEDACINHO DE CHÃO: Atendimento pela manhã, das 8h às 12h45.

NACIONAL - A Campanha de Multivacinação com foco nas crianças e adolescentes acontece em todo o país. São atendidos prioritariamente menores de 15 anos (14 anos 11 meses e 29 dias).

O dia “D” da campanha está marcado para 16 de outubro, quando uma grande mobilização será feita para conscientizar a população a respeito da importância da imunização.

O Ministério da Saúde avalia que a atualização da situação vacinal aumenta a proteção contra as doenças imunopreveníveis e evita a ocorrência de surtos e hospitalizações, sequelas, tratamentos de reabilitação e óbitos.

Fonte - Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Postar um comentário

0 Comentários