Publicidade

Quarteto é denunciado em Cacoal por assassinato



Porto Velho, RO - 
O Juízo da 1ª. Vara Criminal de Cacoal recebeu a denúncia do Ministério Público para processar os quatro acusados do assassinato de Iury Fuzari da Silva, ocorrido no início da noite de 15 de janeiro desse ano, na Rua Carmela Pontes, 1540, Bairro Vista Alegre. São eles: Noé Caetano dos Santos, vulgo ´Pastor´, Denis Gomes Matos, vulgo ´Moca´, Neuclevis Jones da Silva, vulgo ´Pinto´ e Gregory Andrews Silva Cruz.

Iury, segundo a denúncia, foi morto com quatro tiros por ´Moca´, dentro de casa, quando estava cozinhando. A motivação do crime foi um relacionamento amoroso que a vítima mantinha com a ex-mulher de Noé “Pastor”. Foi Noé quem contratou os pistoleiros para cometerem o homicídio. Os tiros foram desferidos Enio Ribeiro dos santos, que será julgado em outro processo. 

Enio foi preso pela Polícia Militar logo após o crime, com a arma e a motocicleta utilizados na empreitada e confessou que matou Iury. Em seguida, a Polícia interceptou um veículo Meriva com os outros denunciados Neuclevis Jones da Silva, Gregory Andrews Silva Cruz e Denis Gomes Matos. O veículo era o mesmo apontado por testemunhas que teria dado cobertura aos executores do assassinato.

Postar um comentário

0 Comentários