Publicidade

A oficina “Faces do Quilombo” será ministrada para alunos da escola Cecília Meireles

Uma centena de alunos participarão da oficina

Porto Velho, Rondônia - Com objetivo de valorizar a cultura afro-brasileira no município de Vilhena, em Rondônia, será promovida neste mês de setembro a “Oficina de fotografia: Faces do Quilombo”, para alunos da escola Cecília Meireles.

O projeto da oficina de fotografia é coordenado pelo produtor cultural, Washington Kuipers que faz parte da Associação Cultural Diversidade Amazônica e do Ponto de Cultura e Mídia Livre Serpentário Produções que trabalha há 12 anos com projetos culturais que valorizam a cultura em Rondônia.

Washington Kuipers informou que o projeto da “Oficina de fotografia: Faces do Quilombo” foi contemplado pelo Prêmio Funarte Descentrarte promovido pela Fundação Nacional de Artes – Funarte.

De acordo com Washington Kuipers, a oficina tem como objetivo estimular a criatividade artística e o empoderamento social de crianças e adolescentes de Vilhena por meio de oficinas teóricas e práticas de fotografia mostrando o olhar de cada um sobre o lugar onde vivem.

Washington Kuipers informou que a oficina será promovida na gratuitamente e a meta é capacitar cerca de 100 estudantes com as atividades previstas na oficina e todos receberão certificado de participação

“A oficina de fotografia vai contar com aulas práticas e teóricas, roda de conversa sobre a importância da fotografia na valorização da cultura local. A ideia é incentivar os alunos a fotografar a comunidade onde vivem e incentivar a preservação da cultura rondoniense”, explicou Washington Kuipers.

O coordenador do projeto ressaltou que as atividades da oficina serão realizadas respeitando todas as normas de segurança para evitar a proliferação da doença do Covid 19.


Postar um comentário

0 Comentários