Publicidade

Em vídeo, advogado e diretor-técnico da Caerd diz que Marcos Rocha não irá autorizar compra de móveis para residência oficial do governador

 

O vídeo está circulando nesta quarta-feira

Porto Velho, Rondônia - Afirmando estar prestando serviço de esclarecimento à sociedade rondoniense, o advogado Lauro Fernandes, que é diretor-técnico Caerd, divulgou vídeo com explicações a respeito das notícias que dão conta de investimento de 900 mil reais para compra de móveis e equipamentos destinados a residência oficial do governador do Estado.


Primeiro, ele frisou que não se trata “da casa do governador Marcos Rocha”, mas sim da residência oficial do governador que esteja exercendo o mandato à frente do Executivo de Rondônia, portanto não há nenhum aspecto de ordem pessoal na questão.

Ele também afirma que o local, mesmo com o aparelhamento atual que é considerado impróprio, e que por isso estaria sendo proposta a renovação, vem servindo não como morada de Rocha e sua família, mas sim para uso funcional de várias secretarias, para realização de encontros e reuniões de trabalho.

O advogado também afirma que o governador não irá autorizar o processo, apesar de ter autonomia e plenos poderes para tanto -e mesmo que o fizesse trata-se de um processo longo que demanda muito tempo e provavelmente sequer seria finalizado nesta gestão – “por entender que este não é o momento para iniciativas como esta”.

 

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Graças a Deus temos pessoas esclarecidas pra informar a população. Todos estão sendo levados pelos mentirosos mal intencionados que distorcem coisas e colocam o governador como vilão.

    ResponderExcluir