Publicidade

Covid 19 vem devastando famílias no Cone Sul

Irmãs Balestrin: vítimas da Covid em Vilhena

Porto Velho, Rondônia
- Neste final de semana mais uma família de Vilhena foi atingida duramente pela pandemia, com a falecimento das irmãs Veronice Lúcia Balestrin, a “Kika”, de 49 anos, e Ivonete Balestrin, dois anos mais velha.

A primeira morreu no sábado 19, e hoje (domingo 20), enquanto a família estava fazendo seu sepultamento veio a notícia do falecimento de Ivonete. A situação foi tão absurda que os familiares resolveram nem sair do cemitério para aguardar a chegada do outro caixão.

Dias atrás foi a família Rigo que sofreu um abalo semelhante. Primeiro faleceu Clarice Maria Rigo, após passar vários dias internada em Cuiabá. Mal ela tinha sido sepultada veio a notícia da morte do esposo, Armindo Rigo, que também não resistiu a doença.

Essas duas situações somam-se a várias outras, mas nada tão dramático como o que ocorreu em Cerejeiras há algumas semanas, quando o número de vítimas mortas pela Covid numa única família apenas chegou a onze casos.

Postar um comentário

0 Comentários